Quem sou eu

Minha foto

Escritora e Poetisa amante da natureza

UMA FOTO EM PRETO E BRANCO

27/12/2015

PRESENTES DE ANIVERSÁRIO em 02/11/2015 - Obrigada, amigos!


PARABÉNS PRA VOCÊ!

"OI POETISA LUNA... FELIZ ANIVERSÁRIO!!!
 PARABÉNS PRA VOCÊ NESTE LINDO DIA
 HOJE TEM FESTA NO SEU CALENDÁRIO
 QUE DEUS LHE AENÇOE COM POESIA."

 DILSON POETA
***


















































































































































 
 

FELIZ ANIVERSÁRIO

Parabéns digo em cordel,
Que flui bem na minha veia;
É como ser menestrel,
Fazer desenho em papel,
Pintar à luz da candeia;
É puro, sem distinção!
Poema que faço à mão,
Mas o que importa é a palavra
Surgida ao sabor da lavra
E a trama urdida na teia!

Parabéns de aniversário
Repete-se a todo ano;
Quando não for necessário,
Não deve ser temerário;
É apenas parte do plano
Que Deus fez pra cada ser!
Mas inda há muito a viver,
Por isso, dou parabéns!
Seja feliz com seus trens,
Sem dor, mágoa ou desengano!

Ineifran Varão
***

Ainda ANIVERSÁRIO

Para alegrar o seu dia
Não vou nem contar piada
Só lembrar com alegria
O quê que você fazia
Quando pelo antro voava:
A casa cheia de ‘puxas’
Babacas, bruxos e bruxas
Você lá de cima voando
Nas cabeças ia soltando
Toda aquela saraivada!

Dia seguinte a Catifunda
E companhia limitada
Vinham com cara de bunda
De inveja e raiva profunda
Cabeça suja e inchada
Fazer piada indireta
Querendo tirar da reta
Aí levava um esporro
Saía gritando socoooorro
Lá vem outra saraivada!

Chegava a ser divertido
Puxa daqui e dali
Era um que vinha atrevido
O outro que era metido
Coisa igual eu nunca vi
Agora que estou distante
Vou rindo de cada instante
Mas valeu aquele tempo
Mesmo em meio a contratempo
Agradeço o que aprendi!

Parabéns!

Ineifran
 ***

até inspirou Luna

E naquela saraivada!
De tempo muito engraçado;
Que se ria da pacovada,
Tanta era a patacoada.
Cada um mais desajeitado.
Corria bicho pra lá,
Corria bicho pra cá,
Querendo a destruição.
Mas, qual... Era tudo anão.
Um a um, tudo, atrapalhado.

Catifunda uma safada
Tal que vivia aprontando.
Arrastava uma cambada,
Dessa toda atarantada,
Que acabava se afundando.
Tinha a malvada lagarta
Mais safada que se farta
De perturbar vida alheia
Ouro doutro lh’aperreia
E ambas ‘lagartixando’.

Cobra veia vai na veia...
Loureava a lagartixa,
Como aranha faz a teia.
Só não falava da peia.
Lagartixa assume a rixa.
Lagarta bancando esperta,
Logo vê sua cova aberta.
Foi bom viver reboliço,
Pois, trouxe ao lutar o viço.
Mas... Vitória em coisa mixa.

Luna
***



























Mesmo bastante tempo depois consegui espaço nesse tempo para montar a página de meus presentes de aniversário. [a formatação não está colaborando com a estética]





sabedores

Google+ Followers

A FLOR QUE EU ENCONTREI (Flor da Lua).

ACADÊMICA

ACADÊMICA

MULHERES QUE TECEM O MUNDO

MULHERES QUE TECEM O MUNDO

LIDERANÇA PELA PAZ

LIDERANÇA PELA PAZ