Quem sou eu

Minha foto

Escritora e Poetisa amante da natureza

UMA FOTO EM PRETO E BRANCO

26/08/2011

SONHO REAL




Ao meu único e infindável amor:

Sonho real

Ontem sonhei um sonho repetido,
Onde tu vinhas como u’a borboleta
E usavas só u’a branca camiseta,
Deixando à mostra o fruto da libido!

Sonhos assim, em mim, já são constantes,
Porque te trago aqui no coração,
Onde não há segredos, só paixão,
No amor mais forte e intenso dos amantes!

Quero sonhar contigo a toda hora,
Viver o amor mais puro e mais profundo,
Na plenitude máxima possível!

..............................................................
Sonho real já temos nós agora,
No amor mais lindo e único do mundo,
Que em nós será, pra sempre, indivisível!

IneifranVarão

26AGO2011 


5 comentários:

Jorge disse...

Um lindo texto e aproveito, fica avexada não, para ti cobrar o meu trem.( Ebook )
Será que vai ficar para o Natal.
Risosssssssssssssssssssssssssssssssssssssss.
Ta sumida em.
Beijos com saudades.
Jorge.

Jorge disse...

Tempo de se amar.
Se é tempo para o amor.
Vai me de uma chance de ti mostrar.
Que também eu sei.
JC.

Jorge disse...

O amor e mesmo assim.
Sem hora para aparecer.
E nos toca nos lugares mais estranhos.
Muitas das vezes nem diz nada.
E se vai.
Nos deixando por E. mail.
JC.

Jorge disse...

Mais mesmo assim eu acredito nele.
E se você também.
Por que as barreiras.
Desarme se.
Dê uma chance a si mesma.
Vai, o amor não morde.
E si não acreditar.
A fila não vai andar.
E fulo da vida vou ficar.
Sabe por que?
Estou no final.
Risoss.
JC.

Jorge disse...

Para você.
Chã amargoso.
Quem passou pela vida e não viveu.
Foi poema em fim de estrada.
Que o poeta esqueceu.
Dormiu e não teve tempo de sonhar.
Foi ave que não voou.
Coração que não pode amar.
Sofreu e não sangrou.
Pelos punhais a transpassar.
Rio que não chegou.
Suas águas o mar salgar.
Uma boca fechada a se omitir.
Um sorriso.
Que nunca pode se ofertar.
Jorge.

A FLOR QUE EU ENCONTREI (Flor da Lua).

Seguidores, nao! sabedores, sim!

Google+ Followers