Quem sou eu

Minha foto

Escritora e Poetisa amante da natureza

UMA FOTO EM PRETO E BRANCO

14/12/2011

ANDANÇAS


ANDANÇAS

Nas andanças de minh’alma
Fui ao fundo dos abismos
Enfrentei os cataclismos
Por fim encontrei tua calma,
Que sem saber me conduz
Por onde há sopros de luz
E anjos em mantos de talma!

Volto a ver a imensidão
Que se espraia à minha frente
Sem tropeço, sem batente,
Ou trilhas de escuridão...
O mundo se descortina
Acorda a minha retina
Revigora o coração!

Passa a vida e me carrega
No arrastão das esperanças
Ativa minhas lembranças
Alinha o barco e navega...
Leva-me na correnteza
Que me deu a natureza
N’água que minh’alma rega!

De minh’alma essas andanças
São feitas de ti e de mim;
Se ficares, tenho fim;
Se vieres, esperanças...
És meu futuro e presente,
Plantaste o amor qual semente...
Fiquei preso em tuas tranças!

Ineifran Varão







Nenhum comentário:

sabedores

Google+ Followers

A FLOR QUE EU ENCONTREI (Flor da Lua).

ACADÊMICA

ACADÊMICA

MULHERES QUE TECEM O MUNDO

MULHERES QUE TECEM O MUNDO

LIDERANÇA PELA PAZ

LIDERANÇA PELA PAZ